Últimas Notícias

28/01/2021

Prefeitura se reúne com donos de bares do centro para evitar aglomerações

@Cidades
Gandu


Para evitar mais aglomerações nos fins de semana em bares do centro da cidade, a Prefeitura promoveu nesta quinta (28), uma reunião com os donos destes estabelecimentos. 
O encontro aconteceu na sede do governo municipal e contou com a participação do procurador do município, Jorlan Santos e os secretários da Infraestrutura Virgílio Filho e Meio Ambiente, Jorge Sarmento.

Em pauta, medidas de combate ao coronavírus como o respeito as normas de segurança, distanciamento social e aglomerações. 

Após a reunião, ficou definido um horário para abertura e fechamento dos bares e o cumprimento do acordo tratado no encontro.
* ASCOM/Prefeitura de Gandu

26/01/2021

Sete em cada 10 não encontraram fonte de renda para substituir auxílio emergencial

@Cidades


Pesquisa Datafolha realizada nos dias 20 e 21 de janeiro mostra que 69% dos brasileiros que receberam o auxílio emergencial não encontraram outra fonte de renda para substituir o benefício. De acordo com o levantamento, 40% da população solicitou o auxílio. Entre aqueles que tiveram direito a ele, 89% já receberam a última parcela. Afirmaram ter economizado recursos para quando o auxílio terminasse 38% dos beneficiados.

Na média, foram pagas 4,5 parcelas do auxílio a cada beneficiado.

O instituto ouviu, por telefone devido às restrições sanitárias da pandemia, 2.030 pessoas em todo o Brasil. A margem de erro é de dois pontos percentuais.

Com o fim do pagamento do benefício para a maioria das pessoas, aumentou o percentual de famílias que tiveram queda na renda por causa do coronavírus, segundo a pesquisa.

Entre os que receberam alguma parcela do auxílio emergencial, 51% afirmaram ter perda de renda na pesquisa realizada no início de dezembro. Agora, são 58%.

Na pesquisa anterior, 14% dos beneficiários apontavam ter tido aumento de renda. Agora, são 12%, oscilação dentro da margem de erro.

Em dezembro, o auxílio tinha garantido a manutenção do nível de renda familiar para 34% dos beneficiados entrevistados. Em janeiro, eram 29% os que estavam com o mesmo nível de renda anterior à pandemia.

O fim do auxílio está entre os fatores que contribuíram para o aumento na reprovação do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Segundo a pesquisa Datafolha, o presidente é avaliado como ruim ou péssimo por 40% da população, ante 32% que assim o consideravam na rodada anterior da pesquisa, no começo de dezembro. Já quem acha o presidente ótimo ou bom passou de 37% para 31% no novo levantamento.

Embora haja pressão para prorrogar o benefício, medida que é discutida inclusive pelos candidatos à presidência da Câmara dos Deputados e do Senado, o gasto adicional é descartado pelo Ministério da Economia e visto como um risco para a política econômica por grande parte do mercado financeiro.

A pressão por novos gastos se deve à demora para vacinação da população e ao aumento das medidas de distanciamento social neste início de 2021.

Reportagem do jornal Folha de S.Paulo mostrou, no entanto, que a equipe econômica avalia que o momento não demanda medidas nesse sentido, a não ser que haja um novo fechamento amplo de atividades decretado por governadores e prefeitos.

Em 2020, o auxílio foi pago por meio de crédito extraordinário. Por isso, o dinheiro não foi contabilizado como despesa para apuração do limite do teto de gastos. Para que o mesmo não ocorra em 2021, seria necessário recorrer ao mesmo expediente.

De acordo com o painel de gastos com a pandemia elaborado pela IFI (Instituição Fiscal Independente), dos R$ 524 bilhões pagos pelo governo federal em todas as ações relacionadas ao enfrentamento da Covid-19 até o momento, R$ 293 bilhões se referem ao auxílio. Ainda há cerca de R$ 2 bilhões liquidados, mas que ainda não foram pagos (restos a pagar em 2021).

As primeiras parcelas do auxílio foram pagas em abril, mas há pessoas que só conseguiram liberar o benefício ou fizeram a solicitação posteriormente.

De acordo com o site da Caixa, há beneficiários que ainda receberão a última parcela, em alguns casos mais de uma, até o final de janeiro.

Houve também uma sobra de R$ 28,9 bilhões autorizados por lei, mas que só poderiam ser utilizados caso houvesse uma prorrogação do benefício para o ano corrente.

Projeção da IFI aponta, por exemplo, que seria possível pagar mais três parcelas de R$ 300 a 25 milhões de pessoas a um custo aproximado de R$ 15 bilhões.

Segundo a Caixa, 67,9 milhões de pessoas receberam o benefício (4 em cada 10 brasileiros em idade de trabalhar.). Destes, 19,2 milhões estão inscritos no Bolsa Família e voltaram a receber o benefício desse programa a partir de janeiro.

As primeiras parcelas do auxílio foram de R$ 600 (podendo chegar a R$ 1.200 por família). A partir de setembro, houve a extensão do benefício em até quatro parcelas, mas com valor reduzido de R$ 300 (R$ 600 para famílias com direito a duas cotas). O benefício médio do Bolsa Família é de R$ 190 por família (chegando ao máximo de R$ 205).

Quase 43% de todos os recursos do auxílio, cerca de R$ 125 bilhões, foram para o Norte e o Nordeste. O auxílio foi pago a trabalhadores informais, microempreendedores individuais, autônomos e desempregados.

Acidente com ônibus deixa 18 mortos na BR-376, no Paraná

@Cidades
Tragédia


Um acidente com um ônibus na BR-376 em Guaratuba, no litoral do Paraná, deixou 18 mortos na manhã desta segunda-feira (25). Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), mais de 20 pessoas foram socorridas do local do acidente, sete delas em estado grave.

O acidente aconteceu no KM 668, no trecho da Curva da Santa, por volta das 8h30. O ônibus, que tinha placa de Belém, no Pará, descia a Serra do Mar em direção ao litoral quando se chocou contra a mureta de contenção, saindo da pista e tombando. O veículo seguia de Ananindeua (PA) para Balneário Camboriú (SC).

Ambulâncias e helicópteros dos bombeiros tanto do Paraná quanto de Santa Catarina foram usados para socorrer os feridos, que foram encaminhados para hospitais de Joinville e Curitiba - os que tinham ferimentos leves foram para Guaruva.

O ônibus levava 54 passageiros e dois motoristas. Há crianças entre as vítimas. O acidente levou a pista a ser bloqueada e gerou um congestionamento de cerca de 10 km.



24/01/2021

Avião cai e mata quatro jogadores e presidente do Palmas

@Cidades
Tragédia


Seis pessoas morreram em queda de avião que levava parte da delegação do clube Palmas para jogo contra o Vila Nov
Seis pessoas morreram em queda de avião que levava parte da delegação do clube Palmas para jogo contra o Vila Nov
O presidente do Palmas Futebol e Regatas e quatro jogadores do clube morreram em um acidente aéreo, na manhã deste domingo (24). Os atletas viajavam para Goiânia para disputar, nesta segunda-feira (25), uma partida da Copa Verde contra o Vila Nova. Além dos integrantes do time, o comandante da aeronave também faleceu.

De acordo com a nota divulgada pelo clube, morreram no acidente o presidente Lucas Meira, quatro jogadores da equipe, Lucas Praxedes, Guilherme Noé, Ranule e Marcus Molinari, e o comandante da aeronave, Wagner. Segundo o Palmas, o avião decolou e caiu no final da pista da Associação Tocantinense de Aviação.

O Vila Nova lamentou o ocorrido e, em nota, desejou que "todos os amigos e familiares das vítimas sejam consolados no colo do Pai neste momento de tamanha angústia e tristeza. O clube afirma, ainda, que corroborará com o adiamento da partida e fará homenagem aos ocupantes no jogo da próxima quinta-feira, 28, pelo Campeonato Goiano".




Veja quem são as vítimas do clube:


Ranule: goleiro, 27 anos

Foto: Foto: Reprodução/ Instagram

Lucas Praxedes: lateral-esquerdo, 23 anos



23/01/2021

Ex-mulher acusa Rodriguinho de agressão: 'Cansei de esconder'

Entretenimento

Atriz compartilhou foto após praticar exercícios no domingo (20).

A ex-mulher do cantor Rodriguinho, Nanah Damasceno, denunciou as supostas agressões que sofria do artista. Em uma sequência de vídeos publicada em suas redes sociais, nesta quinta-feira (22), ela disse que viveu um relacionamento abusivo durante anos e que era agredida pelo ex frequentemente.


"Gente, eu estava em uma festa com meus filhos e eu cansei de esconder o filho da p*** que o Rodrigo é! Ele é um desgraçado, foi um abusador, tive um relacionamento abusivo durante anos. Não sei o que deu nele, o que ele viu. Ele me bateu dentro da festa! Eu estava saindo e ele me bateu, como já me bateu várias vezes", começou ela.

Your title

Há uma semana, Nanah e Rodriguinho confirmaram os boatos que estavam separados. "Bom, gente, a muito tempo vocês me perguntam sobre mim e o Rodrigo e agora resolvemos falar. Sim, estamos separados há um ano, mas independente de qualquer coisa somos uma família... Independente de separação amamos o que construímos juntos. E nossa maior conquista são nossos filhos. Que vocês entendam o valor da família e que ela excede qualquer relação de homem e mulher", escreveu ela no Instagram.

16/01/2021

Morador de Ipiaú sofre acidente de moto na BR-330

@Cidades
BR-330

Motocicleta saiu da pista e colidiu em barranco.
Motocicleta saiu da pista e colidiu em barranco (Foto: Redes/sociais)
O morador de Ipiaú, Florisvaldo Batista dos Santos, conhecido pelo apelido de Flor e por usar calcinhas como máscaras, sofreu um acidente de moto no final da tarde dessa sexta-feira (15), na BR-330, na altura da Fazenda Baixa Alegre, município de Ipiaú. 

De acordo com informações apuradas pelo Giro, Florisvaldo perdeu o controle da motocicleta e acabou colidindo em um barranco às margens da pista. O motociclista recebeu os primeiros socorros de populares que trafegavam na rodovia e de alguns ciclistas de Ipiaú.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado para socorrer o paciente e encaminha-lo a uma unidade hospitalar. Conforme populares que estavam no local, Florisvaldo estava consciente e aparentemente fora de risco.
 

04/01/2021

Uma pessoa morreu e três ficaram feridas em um grave acidente na BA-549, que liga Gandu a Itamari

@Cidades
BA-549
Tragédia


Uma pessoa morreu e três ficaram feridas em um grave acidente na rodovia estadual 549, que liga Gandu a Itamari, na tarde deste domingo (3). O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) prestou socorro imediato.

Segundo um dos ocupantes do HB20 da Hyundai, o motorista tentou desviar de um Strada vermelho e perdeu o controle do veículo. De acordo com a explicação da vítima, o condutor ao desviar pisou no freio e capotou.

O motorista morreu no local e as demais vítimas foram atendidas pelo SAMU e levadas para o pronto socorro. Nenhuma das vítimas teve a identidade divulgada.
* COM INFORMAÇÕES DO REPÓRTER BAHIA