Últimas Notícias

quinta-feira, 30 de maio de 2019

Emprego: Saldo positivo em Gandu com criação de 206 contratações com carteira assinada até abril de 2019

Reportagem : Paulinho Santos

Num momento em que o país vem sofrendo com um grande número de desempregados, chegando a 13 milhões, diante dos dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas), divulgado em 29 de Março de 2019, o município de Gandu-BA, atualmente, entre os 14 municípios do Baixo Sul, está na terceira posição das localidades que mais assinaram carteira de trabalho neste primeiro semestre. 
Segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), há um saldo positivo de 206 novas contratações de janeiro a abril de 2019. Destacam-se os setores que mais contrataram: o comércio e serviços em seguida a agricultura. 

Já em relação às ocupações com os melhores saldos são 25 varredores de ruas, 25 vendedores, 15 atendentes de lanchonetes, 15 repositores de mercadorias e algumas outras ocupações que juntas somam as 206 novas admissões. 

Outro dado importante nos chama atenção neste ano, os melhores salários registrados em carteira, na área da construção civil para o cargo de pedreiro à média salarial de R$ 1.644,00.
O ano de 2018, também não foi negativo para o ganduense, de janeiro à dezembro houve a contratação de 506 trabalhadores e 483 desligados, fechando com saldo positivo de 71 novas vagas de emprego, sendo o comércio local o maior contratador com geração de 289 novos postos de trabalho.

À seguir, os números de admissões de janeiro a abril de 2019, em alguns municípios do Baixo Sul.
Valença se destaca com 791.
Caíru 405.
Gandu 206.
Camamu 71.
Ituberá 68.
Wenceslau Guimarães 35.
Presidente Tancredo Neves 60.
Teolândia 23.
Nova Ibiá 9.
Itamarí 7.

E na última colocação, o município de Piraí do Norte 3 contratações apenas.
Sendo assim, apesar dos números de desempregados no Brasil serem algo bastante preocupante, observa-se que a nossa região traz resultados positivos diante das informações do CAGED.

Entende-se que, não haveria contratações sem um horizonte favorável, e a expectativa do povo brasileiro é que se tenha nos próximos anos uma economia melhor. 

Espera-se que algumas medidas apresentadas pelo governo do presidente Bolsonaro, junto à Câmara dos Deputados e o Senado Federal, possam ser aprovadas como a reforma da previdência, projeto anticrime, a reforma tributária que, conseqüentemente trarão resultados positivos para aumentar a geração de emprego e renda do nosso país.

Reportagem: Paulinho Santos (Graduado em Administração de Empresas/ Rádio e TV com habilitação em Jornalismo, registro SRTE-BA 4842).